AMRIGS - Associação Médica do Rio Grande do Sul
    
 
Área do Associado



 


 

 
   
 

Campanha de vacinação contra a gripe imunizou 80% do público-alvo

Meta era vacinar 90% do público-alvo em todo o país 
Marcello Casal Jr/Agência Brasil

A Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe atingiu 80% do público-alvo, segundo balanço do Ministério da Saúde. Ao todo, 46 milhões de brasileiros foram vacinados, considerando os grupos com indicação para a vacina – incluindo população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional e pessoas com comorbidades – e a população em geral.

No total, 1,8 milhão de pessoas que não faziam parte do público-alvo se vacinaram, o que representa 4% do total de doses aplicadas na campanha. A meta de vacinar 90% das pessoas dos grupos prioritários não foi atingida, segundo o ministério.

A 19ª Campanha Nacional de Vacinação Contra a Influenza terminou na última sexta-feira (9), após ser prorrogada por duas semanas. A vacina contra a gripe estava disponível na rede pública de saúde desde o dia 17 de abril. Os estados que ainda têm doses em estoque podem continuar vacinando a população.

De acordo com o ministro da Saúde, Ricardo Barros, a ampliação do público na última semana da campanha ocorreu para evitar desperdício, já que havia um estoque disponível de 10 milhões de doses.“Neste ano, tivemos poucos casos por influenza devido à baixa circulação do vírus. Em consequência disso, o público-alvo procurou menos os postos de saúde e havia ainda 10 milhões de doses disponíveis de um montante de 60 milhões adquiridas.”

Apenas três estados do país atingiram a meta da campanha deste ano de vacinar 90% do público-alvo: o Amapá, que chegou a 98,1% de imunização; Pernambuco, a 91,8% e o Paraná, a 90%.

Gripe

A transmissão dos vírus influenza ocorre por meio do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. Também ocorre por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com mucosas (boca, olhos, nariz).

O Ministério da Saúde ressalta que mesmo pessoas vacinadas, ao apresentarem os sintomas da gripe, especialmente as que são integrantes de grupos mais vulneráveis às complicações, devem procurar, imediatamente, um médico. Os sintomas da gripe são: febre, tosse ou dor na garganta, além de outros, como dor de cabeça, dor muscular e nas articulações.

Fonte: Júlia Buonafina (estagiária de Jornalismo)
Fotos: Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Data: 13/06/17      Atualizada em: 13/06/17
Tags: gripe , vacinação , prevenção ,









 
ARTIGOS

Conscientização e prevenção sobre a Doença Falciforme
Dr. Alfredo Floro Cantalice Neto
Em defesa do plano de carreira no setor público
Dr. Alfredo Floro Cantalice Neto
Falando sobre depressão sem preconceito
Dr. Jair Escobar
Ver Todas
JORNAL AMRIGS

Ver Todas
REVISTA DA AMRIGS

Ver Todas
AMRIGS NA MIDIA

Ver Todas